Av. Miruna, 553 - Moema - São Paulo, SP 

11 4172-6693

11 96066-0079

©  2018 by ch34. All rights reserved

ATM - Articulação Temporo-Mandibular

A sigla “ATM” corresponde a articulação temporomandibular e é caracterizada pela interação entre dois ossos do crânio, o osso temporal e o osso da mandíbula (em marrom). Entre essas estruturas ósseas há um disco articular (em amarelo) que é uma fibrocartilagem (semelhante ao menisco no joelho) que gera estabilidade e guia o movimento mandibular durante a abertura e o fechamento da boca.

Nas figuras acima, o disco está levemente anterioridade e durante a abertura da boca ele se encaixa acima da cabeça da mandíbula, permitindo a abertura completa da boca. Entretanto, neste processo, podem ocorrer estalidos, dores, desvios da mandíbula, etc... É preciso, portanto, avaliar adequadamente os fatores que estão envolvidos e levando às alterações dos movimentos da mandíbula e/ou causando dores ao paciente.  

Cápsula da articulação temporomandibular reforçada pelos ligamentos colaterais e ligamento esfenomandibular.

A ATM, também, é envolvida por ligamentos que aumentam sua estabilidade e por músculos capazes de gerar os movimentos de forma harmônica. É importante considerar que há uma íntima relação entre os músculos mastigatórios e a coluna cervical, uma vez que parte destes músculos se inserem no osso hióide que, por sua vez, é estabilizado por músculos da coluna cervical.

Alguns importantes músculos mastigatórios são o músculo masseter, o músculo temporal, músculo pterigoide lateral e medial e os músculos subocciptais. Estes músculos podem ser fontes de dores na região da face e/ou ATM, devendo, então, serem avaliados nos casos de pacientes com desordens da ATM.

Músculo temporal, músculo masseter, músculo pterigoideo lateral e medial.

A ATM é uma das articulações mais usadas do corpo, não apenas durante a mastigação, mas também durante a deglutição e a fala.

DTM      |      Coluna Cervical     |     Contato

SEÇÕES DE INTERESSE